Dificuldades em realizar rituais?

Talvez você seja um praticante solitário que compartilhe seu espaço com não-pagãos.
Ou talvez você viva em um pequeno apartamento e não há espaço suficiente para celebrar um ritual como você gostaria.
Não se preocupe, há inúmeras formas de celebrar em locais pequenos e de forma discreta. Desde guardar suas coisas a lançar um círculo, seguem algumas dicas para fazer tudo funcionar seja qual a adversidade que você tiver que encarar.

Organização

Antes de tudo, tenha certeza que suas ferramentas para o ritual estão organizadas.
Use uma caixa ou armário para guardar tudo de forma que os itens não estejam cada um em um canto quando você precisar usá-los. Algumas pessoas gostam de usar as gavetas, deixando uma para cada tipo de item, ou seja, uma só para velas, outra só para ervas, etc, isso facilita na hora para não sair caçando o que precisa pela casa.

Mantenha as coisas simples

Se um ritual requer uma preparação elaborada e você não tem o espaço suficiente para tanto, elimine o que não for absolutamente necessário. Use o que você precisar, ao invés de coisas que são apenas para decoração.

Quando um ritual exigir o lançamento de um circulo de determinado tamanho e você não dispõe de tudo isso, lance um círculo menor, desde que você não o rompa. Caso você divida o seu espaço com pessoas de outras religiões, simplesmente visualizar o círculo é mais do que suficiente. O que conta é a sua intensão e no que você acredita. Um praticante competente pode realizar um ritual sem acessórios algum.

Otimizando o espaço

Planeje suas decorações de forma que eles tenham múltiplos usos. Escolha panos de altar de dupla face que você pode usar para momentos variados e não só para um tipo de ritual, ou mesmo utilize um pano com um pentagrama ou outro símbolo que você goste ou caso nem isso seja possível, procure tecidos com estampas que te lembre assuntos mágicos (luas, estrelas, animais, árvores, etc) mas que não sejam tão óbvios ou simplesmente use um tecido preto ou violeta liso.

Use materiais que não precisarão ser guardados para os próximos rituais, como papel que pode ser queimados, frutas que podem ser consumidas, velas pequenas que podem queimar até o fim ou use itens do seu dia a dia para serem infeitiçados, como colares, pulseiras, moedas e até mesmo peças de roupas, que podem ficar sempre com você.

Considere usar um baú, um armário ou uma caixa como um altar, para que você possa armazenar suprimentos dentro dele.

 

 

Executando Rituais

Quando se trata de executar seus rituais, se você tiver que dividir seu quarto, tudo depende da forma como a outra pessoa vê a sua religião para permitir ou não que ritos sejam feitos no local. Trabalhe em torno da agenda do companheiro de quarto para que você possa ter privacidade quando o outro não estiver em casa ou mesmo utilize outros cômodos para seus trabalhos mágicos. O quintal e a cozinha são ótimas opções desde que ninguém lhe perturbe.

Caso seja impossível realizar qualquer coisa na sua casa, tente encontrar um lugar tranquilo agradável como um parque, uma praça, a cobertura do prédio que você mora, ou mesmo emprestar o lugar de um amigo por algumas horas.

Se você está realmente preso em uma situação em que você não terá privacidade, faça o máximo para tornar a sua rotina um ato mágico. Quando estiver ouvindo música, dedique esse som ao seu Deus de devoção, converse com a Deusa enquanto anda pela rua, tente meditar quando pegar um ônibus, abençoe e imbua de poder a comida que você cozinhar. Se não pode acender uma vela para fazer um pedido, crie um Templo Astral e visualize seus rituais ocorrendo lá ou mesmo considere fazer um “diário de ritual”. Em vez de atuar na cerimônia, anote isso. Inclua cânticos, músicas, poemas, pedidos aos Deuses, o que você normalmente incluiu em seu rito. Isso é algo que você pode fazer com seu colega de quarto sentado na sala e, se surgirem perguntas, simplesmente diga: “Estou escrevendo sobre algo que é importante para mim”.

Seja criativo

Todas essas recomendações podem não soar glamurosas mas, na bruxaria, o mais importante é a intenção e tendo isso, com certeza os Deuses atenderão ao seu chamado.

Texto por Seren Gwawr inspirado por esse original da Patti Wigington.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s